Idéias Conflitantes – Um Protesto e Um Apelo.

Imagino que atualmente poucas pessoas saibam que sou nascida e criada em uma igreja batista e portanto, seguidora da doutrina cristã; especialmente porque eu não fico apregoando demais minhas crenças.

Nos últimos dias, por influência da minha irmã acabei parando para assistir a alguns vídeos sobre teorias da conspiração e as táticas utilizadas por seitas ocultas, que se escondem por trás de pessoas poderosas para incutir mensagens e idéias na cabeça das pessoas através dos meios de comunicação em massa, principalmente através da indústria do entretenimento. Mensagens subliminares, algumas nem tão subliminares assim, eu diria até explícitas demais, em desenhos, que supostamente deveriam ser para crianças, porém que trazem em seu conteúdo, idéias completamente pervertidas e valores que destroem toda a base moral da sociedade.

Que isto existe: FATO. Não estou aqui para engrossar o coro e reforçar o pensamento todos esses cristãos e alguns apenas crentes sensacionalistas, que empregam tempo em desvendar e expor estas mensagens, que mesmo com o intuito de alertar e prevenir as famílias, acabam fazendo justamente o oposto firmando e reafirmando e cumprindo o propósito para o qual essas coisas abomináveis foram criadas. Muito menos estou aqui para defender tais práticas. Posso ser suspeita de assumir esta posição “em cima do muro”, como algumas pessoas certamente rotularão o meu ponto de vista, por realmente ser fã de carteirinha dos clássicos da Disney e como artista, apreciadora da qualidade do trabalho de alguns artistas que estão “estourando” na mídia. Depois dos vídeos que vi, cheguei mesmo a questionar-me: Deus, será que eu já fui contaminada por estas coisas?

Quero deixar aqui o meu protesto e o meu desabafo, porque se continuarmos fazendo tanta apologia ao que já está tão patente aos nossos olhos, vamos simplesmente ficar neuróticos e deixar de usufruir do presente maravilhoso que Deus nos deu que é a vida. Todo mundo, pelo menos quem é cristão e tem conhecimento da Palavra de Deus, sabe que “o mundo jaz no maligno”, e sabemos que não há muito a nosso alcance fazer a respeito de todas estas coisas que estão por vir, a respeito do Anticristo e do deus deste século, porque o que está escrito vai se cumprir. PONTO. Contudo, há coisas muito mais importantes a serem feitas e proclamadas, que precisam com urgência que as pessoas saibam, e o tempo que se emprega em procurar, analisar, estudar, expor, e em alguns casos até mesmo criar, falsificar, distorcer coisas simples e fazer com que pareçam malignas, porque alguns realmente exageram, é um tempo precioso que se perde de estarmos com nossas famílias, com as pessoas que nos cercam, não apenas falando do amor de Cristo mas VIVENDO este amor que é a essência do evangelho e de uma experiência profunda e transformadora com Deus.

Se esses criminosos, porque para mim, todos aqueles que pervertem e distorcem os valores criados para proteger e manter a família unida são sim criminosos, se apoderam de coisas boas para contaminar e apodrecer o que Deus criou perfeito, não cabe a nós reverter este processo e purificar e santificar o que o mundo contaminou? Ora, não é o nosso Deus mais grandioso do que o usurpador que reina neste século? Não é o nosso DEUS, o Criador e Controlador de todo o universo, a quem este mesmo Usurpador está SUJEITO?E não é ELE, o Todo-Poderoso que governa as nossas vidas, forte e poderoso o suficiente para santificar o que Satanás contaminou? Não foi o nosso Deus quem enviou o Seu Único Filho para nos livrar das garras da morte e nos dar a vida eterna?

Então me expliquem por quê tanto alarde por causa dessas coisas, dessas mensagens que ocultas ou explícitas? Porque foi-se o tempo em que elas eram apenas subliminares, hoje estão tão explícitas que se você parar para focar somente nelas, com certeza vai deixar de ouvir música, ir ao cinema, assistir a filmes infantis em casa com a sua família, enfim, vai alienar-se completamente do mundo em que você vive. E não foi para isto que Cristo nos chamou, pelo contrário, Ele disse em sua oração pelos discípulos: “Pai, não peço que os tires do mundo, mas que os livres do mal”.

Meus queridos irmãos, já passa da hora de sairmos das conchas de nossas igrejas e enxergarmos os campos brancos e prontos para a colheita, e não falo desse teatrinho de missões que toda igreja batista monta todo ano não. Não falo de todos esses rituais e doutrinas que a gente aprende todo santo domingo na escola bíblica dominical, NÃO! Passei anos enfurnada em uma igreja, e, mesmo sabendo que corro um grande risco de estar errada ou até mesmo de ser apedrejada pelo sentimento que exponho aqui, e se o Espírito Santo de Deus realmente habita em mim, e se foi realmente ELE quem abriu meus olhos, precisamos ser mais humanos para alcançar aqueles que ainda não conhecem o amor de Cristo. E só há um jeito para isso: pedir a Deus que nos dê sabedoria para nos misturarmos, sem perder a característica de sal. Pedir a Deus que brilhe através de nós, para que possamos ser um farol na vida daqueles que andam nas trevas e estes sim, são os que são atingidos por essas táticas diabólicas com o único fim de destruir a coroa da criação: o ser humano.

Que Deus nos dê sabedoria.


Advertisements

4 Comments

  1. Muito bom menina! Colocou em palavras corretas tudo o que precisava para confrontar a nós, cristãos, com nosso estado de letargia.
    Gostei muito, parabéns.

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s